Empreg(h)abilidade

É possível levar a metodologia Agile para o seu comportamento?

Especialista dá 7 passos para criar um Modelo Ágil Comportamental e impulsionar a carreira

É possível levar a metodologia Agile para o seu comportamento?

compartilhar:

Carolina Pereira

Se você trabalha ou já trabalhou com desenvolvimento de software ou gestão de projeto, certamente já ouviu falar da metodologia Ágil, ou Agile, que tem sido adotada por muitas empresas para tornar processos mais rápidos. Ela foi pensada inicialmente para facilitar a criação e entrega de sistemas desenvolvidos pela área de TI, mas o conceito já atingiu diversas outras áreas.

 

Resumidamente, Agile consiste em uma forma de acelerar as entregas durante o desenvolvimento de um projeto, fracionando o todo em entregas. O trabalho é feito em times com equipes multidisciplinares para atingir uma meta estabelecida a cada fase. Isso tudo não é novidade. Mas já imaginou levar esses métodos para o seu comportamento profissional, não importa a área em que você atue? É o que propõe a especialista em desenvolvimento Susanne Andrade.

 

Coach, Palestrante e professora de cursos de MBA pela Faculdade de Informática e Administração Paulista (FIAP) em disciplinas sobre carreira, coaching e liderança, Susanne é criadora e defensora do Modelo Ágil Comportamental (MAC), inspirado na metodologia Agile, sobretudo o Scrum. No Scrum, os projetos são dividos em ciclos (tipicamente mensais) chamados de Sprints.

Para entender o conceito criado pela especialista, é preciso compreender que agilidade é diferente de correria. “Trata-se de um conceito em que a qualidade do tempo e o melhor aproveitamento são essenciais. O grande diferencial do mundo ágil é desacelerar para conectar as pessoas por meio de um propósito”, diz ela no livro “O Poder da Simplicidade no Mundo Ágil”, publicado pela Editora Gente.

 

“O grande diferencial do mundo ágil é desacelerar para conectar pessoas por meio de um propósito”

Exclusivo para Assinantes

Clique aqui