Inovação em tempos de crise

Menos de um terço das empresas se considera à frente de seus concorrentes quando o assunto é inovação. Em tempos de pandemia e incertezas econômicas, é hora de se preocupar?

Carolina Pereira

24/03/2020

Apenas 30,5% das empresas se consideram à frente de seus concorrentes quando o assunto é inovação de produtos e serviços, segundo dados da pesquisa “Antes da TI, a Estratégia”, feita com CIOs das maiores companhias do país. No entanto, em um momento como o que vivemos hoje, em que o Ministério da Economia prevê crescimento zero para 2020, exercer a capacidade de inovação pode ser crucial para que profissionais e empresas garantam seu lugar no mercado. “É preciso exercer muito a criatividade e a inovação para conseguir driblar diversos obstáculos e atingir o cliente de acordo com as necessidades atuais dele”, indica Rodrigo Vianna, CEO da Mappit, empresa do Talenses Group especializada no recrutamento.